COMO DAR FEEDBACK DE FORMA ASSERTIVA

O Feedback é uma ferramenta, mas a forma como ela é aplicada depende muito do estilo e da evolução do líder, que pode usá-la de uma forma mais dura e autoritária, ou de uma forma leve e compassiva. Os melhores e mais duradouros resultados acontecem quando você lidera de forma compassiva. Aprenda como você pode usar feedback da forma mais poderosa

O Feedback é uma ferramenta, mas a forma como ela é aplicada depende muito do estilo e da evolução do líder, que pode usá-la de uma forma mais dura e autoritária, ou de uma forma leve e compassiva. 

Os melhores e mais duradouros resultados acontecem quando você lidera de forma compassiva. Aprenda como você pode usar feedback da forma mais poderosa

  • Combine as regras do jogo. Pra você ter sucesso nos feedbacks, alinhe com sua equipe que você vai buscar conversar mais, dizer o que está bom e o que merece ser melhorado. Isso vai desarmar a turma e o processo será mais natural. 
  • Você pode usar o feedback para direcionar as pessoas. É como freio e acelerador. Todo líder tende a colocar mais energia corrigindo as pessoas do que reforçando o que elas têm de bom. 

DICAde ouro: coloque energia em mostrar o que está certo. Reforce o comportamento que está na direção do que você precisa. “Parabéns João, melhorou bastante em relação ao trabalho de ontem, hein? Continue firme aí, você vai conseguir”.

  • Nunca diga que a pessoa é isso ou aquilo, mesmo que seja bom. Foque na ação, no comportamento, no resultado. 

Quando você diz “João, você é o melhor vendedor” você está definindo. Isso desenvolve mindset fixo (lembra do episódio 5?). Então, nesse caso é melhor dizer “João, que maravilha foi o seu resultado este mês. Como você está se sentindo?”, ou então “João você bateu a meta com 150% foi um feito incrível! Conta pra gente como você construiu esse resultado?”.  Veja que dessa maneira você reconhece, reforça, dá visibilidade, dá voz e ainda expõe um exemplo positivo para sua equipe. E o mais importante, você fala pouco e fala certeiro!

  • Você pode usar o feedback como forma de avaliar alguém. A melhor forma de fazer a ficha do outro cair é despertando a consciência. Imagine que João está com desempenho péssimo. Ele está abaixo da média da equipe há três meses.

Que tal uma conversa assim: “João, como você avalia o seu resultado nos últimos meses? O que você acha que foi determinante pra você não chegar na meta? Consegue lembrar de um período que seus resultados foram brilhantes, o que você estava fazendo? Como eu posso te ajudar a reverter o quadro? Qual mudança você pode fazer na sua rotina ou no jeito de trabalhar pra fazer um avanço importante neste mês? Quer pensar em alternativas pra gente voltar a conversar amanhã? Faça perguntas para que a pessoa possa elaborar por si só uma solução. Assim ela vai se comprometer com a mudança, porque a ideia foi dela. 

Agora tem outro aspecto do Feedback muito importante, que diz respeito ao seu desenvolvimento pessoal. Você sabe como receber feedback? Normalmente, as pessoas reagem de quatro formas ao receber feedback:

  1. Nega, reage, reluta, não aceita, argumenta… e além de não absorver nada, ainda leva a mal. 
  2. Ouve, não fala nada, mas internamente nega e não se compromete com o que está ouvindo.
  3. Se interessa, pergunta, procura entender, se conecta e fica refletindo sobre o que ouviu.
  4. Absorve totalmente o que ouve, gosta de receber feedback, é seguro e não leva a mal. Imediatamente reflete e revê sua forma de agir para melhorar ou celebrar. 

É muito importante entender como as pessoas reagem, por dois motivos. Primeiro, se você estiver lidando com alguém que está sendo reativo, mude a estratégia, porque a pessoa não tá te ouvindo. Além disso, porque você, como profissional, deve buscar feedback intensivamente para crescer na carreira. Então avalie bem como você reage, quando alguém te dá um feedback. Você se debate ou absorve? Quem pede feedback evolui mais: veja aqui!

Quer se aprofundar nesse assunto e desenvolve ainda mais sua habilidade com feedbacks?

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

MICHAEL OLIVEIRA

Michael é Líder e Fundador do Instituto Brasileiro de Liderança. Atua em posições estratégicas há 20 anos, é especialista em gestão de negócios e já liderou equipes e empresas nas principais capitais do Brasil, ocupando cargos de gerência até CEO.

Leia também