Gerente X Líder: qual a diferença?

Existe uma diferença muito grande entre o que é ser um Gerente e o que é ser um Líder. Normalmente, as pessoas não têm consciência sobre isso e ainda confundem os termos.

A matéria-prima de um Gerente é MÉTODO (basicamente, tudo aquilo que a academia ensina). São posições que precisam de metodologia para que o trabalho seja feito com sucesso. As palavras-chave de um Gerente são: controlar, medir, gerenciar, auditar, padronizar, orçar, dirigir, contabilizar, mensurar, executar, e por aí vai. Essas atividades são inerentes a quem gerencia algo.

E a palavra gerenciamento está correlacionada ao controle. Todas as vezes que você está controlando algo, você está necessariamente fazendo o gerenciamento do mesmo.

Por outro lado, a matéria-prima de um Líder são as PESSOAS. Os verbos relacionados a liderar são: mobilizar, engajar, desenvolver, treinar, reconhecer, engajar, orientar, direcionar, desafiar. Viu só como as diferenças ficam bem explícitas?

Existe uma coisa curiosa. O gerente dirige, o líder direciona. Um controla e o outro empodera.

Na prática, no meio corporativo, quanto mais estruturada é uma empresa e quanto mais amadurecido é o seu processo, mais gerenciamento ela exige das pessoas que estão ocupando funções de comando.

Em contrapartida, se você observa uma empresa mais jovem ou uma startup, com baixo controle, poucos processos estruturados e uma atividade focada muito mais nas pessoas do que nos métodos, é comum ver a liderança mais destacada.

 

A grande sacada é que um gestor de alto nível é um bom gerente e um bom líder.

 

É possível encontrar profissionais excepcionais que são apenas gerentes, e tudo bem! Da mesma forma que podemos encontrar apenas líderes. Porém, o ideal é que o gestor tenha este traço muito bem desenvolvido.

 

Então, se liga neste Conceito HD: um Grande Gestor é a soma de um Hábil Gerente e de um Grande Líder!

Comentários